Cyberpunk 2077 faz CD Projekt bater recordes financeiros

Compartilhe isso!

A CD Projekt Red alcançou financeiramente os seus maiores números desde sempre graças ao lançamento de Cyberpunk 2077. Apesar de todas as polêmicas envolvendo seu lançamento, US$ 525 milhões foram gerados de 2020 até 31 de março de 2021, com o fechamento do ano fiscal. Isso de acordo com o site acordo com relatório do GamesIndustry.

Todo essa valor é mais o que o dobro alcançado com seu recorde anterior, que foi em 2015 com The Witcher 3: Wild Hunt. Além disso, Cyberpunk 2077 deu à sua desenvolvedora um lucro líquido aproximado de US$303 milhões

Cyberbug

Dado seu hype colossal, o game já demonstrava ser um grande sucesso de vendas quando fez 8 milhões de unidade vendidas apenas na pré-venda, e poucos dias após sua chegada às lojas ter se tornado na história o maior lançamento de games.

Algumas atualizações e melhorias já foram lançadas, e muitos dos jogadores realmente gostam do game. Porém diversos problemas ainda estão presentes em todas as versões e ainda não há previsão de retorno de Cyberpunk 2077 à loja online do Playstation.

Cyberpunk 2077 não estaria pronto até 2022, afirma desenvolvedor

Em uma série de entrevistas para o jornalista americano Jason Schreier, talvez o mais conceituado da área e o grande responsável por tornar público o problema do “crunch” (jornadas de trabalho extensas com pouca ou nenhuma folga) na indústria dos games, mais de 20 pessoas que trabalharam em Cyberpunk 2077 relataram, anonimamente, os problemas enfrentados na produção do game, um dos mais antecipados dos últimos anos e que teve um lançamento desastroso em dezembro de 2020.

Um dos desenvolvedores afirma que, no ritmo em que vinha sendo produzido, o game não estaria pronto até 2022.

Cyberpunk-2077-bugs

A matéria original, postada no Bloomberg, traz a tona vários dos problemas internos da produção. Segue abaixo alguns deles:

  • O game como conhecemos hoje só começou a ser produzido no final de 2016, quando o cabeça do estúdio, Adam Badowski, assumiu a direção com sua própria visão de como Cyberpunk deveria ser, “resetando” o que já estava em pré-produção desde 2012, quando o game foi anunciado ao público;
  • A demo mostrada na E3 de 2018 é quase inteiramente fake. Desenvolvedores relatam que meses de produção do jogo real foram perdidos para criar a demo;
  • O CEO Marcin Iwiński afirmou que horas extras não seriam obrigatórias, mas mais de uma dúzia de pessoas que trabalharam no game afirmam terem sido pressionadas a trabalhar assim há anos, com jornadas de mais de 13 horas diárias. Alguns perderam a família no processo;
  • Adrian Jakubiak, ex-programador de áudio da CDPR, afirmou que um de seus colegas perguntou em uma reunião como seria possível entregar um projeto tecnicamente mais desafiador dentro do mesmo tempo que tiveram para The Witcher. Segundo Jakubiak, alguém disse “a gente descobre ao longo do caminho”;
  • A CDPR usava GTA V e Red Dead Redemption II como parâmetro de qualidade. Por nunca terem feito um jogo dessa escala, foi necessário contratar muitos novos talentos vindos dos EUA. Isso acabou criando um choque linguístico, pois muitos dos novatos só falavam inglês e isso, juntamente a outros problemas de gerência, levou a uma produção desorganizada;
  • Apesar do crunch e do aumento na equipe, o ritmo da produção não melhorou. Em 2019, a CDPR anunciou que o jogo seria lançado em abril de 2020. Internamente, os desenvolvedores não faziam ideia de como entregariam o game até lá. Um deles disse que a data era “uma piada” e a equipe fazia memes apostando quando haveria um adiamento.
  • Como mencionado no início da matéria, um dos desenvolvedores afirma que, no ritmo em que a produção estava, o jogo só estaria pronto em 2022. A liderança do estúdio pressionava para um lançamento anterior ao dos consoles da nova geração e, em determinado ponto, dizia que adiar “não era uma opção”;
  • Alguns engenheiros perceberam que Cyberpunk 2077, na escala em que estava, não rodaria no PS4 e no Xbox One e foram ignorados pela gerência, que citava o sucesso do lançamento de The Witcher 3;
  • A cidade teve de ser diminuída e algumas mecânicas cortadas para entregar o jogo no período estimado, mas nem isso e o aumento da equipe foram suficientes.

Cyberpunk foi lançado em 10 de dezembro de 2020 para PC, PS4 e Xbox One, estando também disponível para a nova geração de consoles através da retrocompatibilidade. Patches de correção devem ser lançados nos próximos meses e um upgrade gratuito para o PS5 e o Xbox Series X/S está previsto para a segunda metade de 2021.

Clique aqui e saiba mais sobre as mais recentes novidades dos games!

Então, não se esqueça de se inscrever no nosso canal do Youtube, seguir nosso Instagram e curtir nossa página no Facebook


Compartilhe isso!

One thought on “Cyberpunk 2077 faz CD Projekt bater recordes financeiros

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *