Novo Bioshock terá mundo aberto! Aponta rumor

Compartilhe isso!

A equipe do estúdio norte americano Cloud Chamber está nesse exato momento trabalhando na continuação da franquia Bioshock e infelizmente não temos lá muitas notícias sobre o game. Mas finalmente um rumor surge e as expectativas para ver algo novo relacionado à esse fantástico universo crescem novamente.

Graças à vagas de emprego que foram abertas para fazer parte do time responsável pelo novo Bioshock, onde na descrição procura 17 pessoas talentosas para finalizar o game. Confira:

“estamos esperançosos em encontrar alguém que poderá criar histórias focadas nas personagens e com impacto, num ambiente de mundo aberto”.

É citado também sobre tratar-se de um novo fantástico game AAA focado em narrativa, com bastante personalidade e charme. Entre as vagas, também estão procurando desenvolvedores especialistas em IA para implementar um “sistema de multidão urbana e um sistema de ecologia tribal.” O desejo do estúdio é criar algo amplo e dinâmico, e muito imersivo onde tudo é cheio de vida.

Então aí vem a minha maior preocupação, eu não gostaria de ver a série Bioshock tomar o mesmo rumo dos jogos produzidos pela Ubisoft, por exemplo. Onde os mapas são gigantescos e temos centenas de missões bobas e repetitivas. Isso é o mais comum entre os jogos de mundo aberto, e são apenas um ou outro game que conseguem fugir disso.

Bioshock4-Avance-Games

Apesar de Bioshock ter até bem mais ação que outros jogos do tipo, um dos seus principais destaques são os elementos de immersive sim que existem principalmente nos dois primeiros games. E o que isso significa quando o assunto é business? Bom, vamos dizer que jogos que usam dessa função narrativa não são exatamente uma boa fórmula para fazer dinheiro. Tendem a ser fracassos de vendas, e eu entendo o desespero de um estúdio em querer manter uma franquia viva e rentável. Renovações podem ser boas, e às vezes são de fato necessárias. Mas vamos com calma.

Apesar de eu já não estar lá muito feliz com a notícia, temos no mercado alguns exemplos de jogos do mesmo estilo que se entregaram à fórmula de “mundo aberto”, e deram muito bem. O mais recente deles, que não é exatamente um immersive sim mas possui alguns elementos que o definem, é o Metro Exodus (2019). Que soube trabalhar com excelência suas missões e level design para que tudo faça sentido e priorizando a imersão do jogador frente ao universo do game.

Os desenvolvedores do novo Bioshock podem tomar diversos caminhos para criar uma nova experiência sem que seja perdido a essência dos jogos que para mim já são clássicos. E eu espero de verdade que eles escolham o certo.

Clique aqui e saiba mais sobre as mais recentes novidades dos games!

Então, não se esqueça de se inscrever no nosso canal do Youtube, seguir nosso Instagram e curtir nossa página no Facebook


Compartilhe isso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *